Conheça os seis fatores que fazem seu botox durar pouco

26 de abril de 2019

Listei 6 fatores que afetam a durabilidade do botox e trouxe dicas para os resultados durarem mais A toxina botulínica, cuja marca mais popular é o Botox (mas existem várias outras), já se tornou a queridinha na dermatologia quando o assunto é corrigir a aparência de linhas de expressão, arquear sobrancelhas, dar um “up” no

aplicacao-de-botox.jpg

Listei 6 fatores que afetam a durabilidade do botox e trouxe dicas para os resultados durarem mais

A toxina botulínica, cuja marca mais popular é o Botox (mas existem várias outras), já se tornou a queridinha na dermatologia quando o assunto é corrigir a aparência de linhas de expressão, arquear sobrancelhas, dar um “up” no canto dos lábios e na ponta do nariz, entre outros tantos benefícios.

Porém, a durabilidade de seus resultados ainda gera muitas dúvidas e às vezes até insatisfações. Por isso resolvi escrever esse texto

Mas se você quiser saber mais sobre como a toxina é aplicada, qual a indicação e os benefícios, basta clicar nesse link aqui.

 

Quanto tempo o botox deve durar?

 

A toxina botulínica tem duração esperada de 4 a 6 meses. Em algumas pessoas ele dura menos do que o mínimo esperado, enquanto em outras, ele pode durar bem mais do que os 06 meses estimados pelo fabricante.

 

Devo esperar 6 meses para aplicar novamente?

Não! A aplicação pode ser feita a cada 3 ou 4 meses. Tudo depende da necessidade do paciente. O médico precisa avaliar de maneira individual.

 

Quanto mais produto o médico injetar, mais tempo vai durar?

 

Nada disso! A quantidade não significa que o item vai durar mais no organismo. A única coisa que vai acontecer é que você terá um resultado MUITO artificial.

 

O que interfere na duração do botox?

 

Já expliquei tudo sobre a toxina botulínica, né? Descubra quais fatores interferem na sua durabilidade.

 

  1. Exposição solar

Aquele paciente que toma muito sol vai ter a durabilidade do produto reduzida. A substância que dá origem ao produto é sensível ao calor. Por isso, evite exagerar. Proteja-se com filtro solar, chapéu, óculos e roupas com proteção.

 

  1. Prática de atividade física

Os exercícios físicos fazem muito bem à saúde. Mas você sabia que precisa evitar fazer caretas durante o treino? Isso mesmo! Caras e bocas contraem a musculatura e fazem com que o botox dure menos.

 

  1. Expressões faciais

Pessoas muito expressivas, geralmente têm os resultados do botox reduzidos. Ao contrair repetitivamente durante o dia a musculatura do rosto, vai diminuindo o efeito da substância. Se você não conseguir controlar essas expressões, com certeza terá de aplicar a toxina botulínica mais vezes ao ano.

 

  1. Qualidade do produto

Marca e qualidade também interferem muito na durabilidade. Por isso, é essencial buscar um médico especialista em dermatologia para realizar este tipo de procedimento.

Pode ter certeza de que um bom dermato utiliza somente bons produtos.

 

  1. Uso de antibióticos e corticoides

Quando você faz uso destes tipos de medicamento logo antes ou depois da aplicação do botox, pode comprometer a durabilidade do mesmo.

 

  1. Tabagismo

Fumar faz com que o botox dure por menos tempo. Por isso, se você quer que os benefícios do produto durem mais na sua cútis, deixe o cigarro de lado.

 

Dicas para o botox durar

Os benefícios deste produto são amados pelos profissionais de dermatologia e pelos pacientes. Sendo assim, o que a gente mais quer é que a duração prolongada.

Por isso, trouxe algumas orientações essenciais para que a toxina botulínica permaneça por mais tempo no organismo. Leia!

  • Use filtro solar próprio para o rosto e específico para o seu tipo de pele. O FPS deve ser de, no mínimo, 30.
  • Use óculos de sol, pois evita que você enrugue a pele ao redor dos olhos para tentar enxergar;
  • A partir dos 30 anos de idade é necessário repor o colágeno perdido. Existem várias formas de fazer isso: ingerindo colágeno diariamente e fazendo aplicação de bioestimuladores. Sem contar que você pode fazer sessões em aparelhos como o Ultraformer III.
  • Investigue se a quantidade de zinco está ok em seu organismo. Isso ajuda a fazer com que a toxina dure mais.
  • Mantenha hábitos saudáveis se alimentando de produtos in natura, evitando fumar, diminuindo o consumo de açúcar e farinha branca. Mas não é só isso! Bebida alcoólica também deve ser evitada.

 

Novidades na área da dermatologia

 

Vem novidade por aí! Na Coréia do Sul já está sendo comercializada uma toxina botulínica com uma durabilidade bem maior. Este item ainda não está disponível aqui no Brasil, mas eu já aguardo ansiosamente a chegada dele. Meus pacientes vão amar!

 

2020® Dra. Luciana Costa - Todos os Direitos Reservados