Dicas dermatológicas para as grávidas

21 de agosto de 2019 0

Saiba quais tratamentos e cuidados dermatológicos você pode realizar na gestação!                                                                                         

Dicas-dermatológicas-para-as-grávidas.jpg

Saiba quais tratamentos e cuidados dermatológicos você pode realizar na gestação!                                                                                                                                                                                                                                                                                             

A gravidez é uma época repleta de muito amor e também de grandes transformações para o corpo. Nesse período, é comum que as mulheres considerem recorrer aos tratamentos e cuidados que a dermatologia oferece. No entanto, existem certas práticas e produtos que devem ser evitados. Para que você cuide da sua beleza, mas também da sua saúde e do seu bebê, eu irei explanar nesse artigo o que pode ou não fazer nesse período.  Confira!

Quando os tratamentos e cosméticos não são permitidos ou contraindicados para grávidas?

Muitas indicações feitas pelos profissionais para as gestantes são baseadas na prevenção.  A indústria cosmética não realiza testes dessas substâncias com mulheres em gestação, e por esse motivo, há uma falta de informações sobre as reações desses produtos em gestantes.

Os motivos, para uma proibição do uso de um produto ou realização de tratamento é, normalmente, por conta da potência ou penetração das substâncias e/ou procedimentos. Portanto, quando os produtos agem agressivamente, o uso ou realização do procedimento é vetado para zelar pela saúde da mulher ou do bebê.

A importância dos cuidados estéticos durante a gestação

Vale dizer que não é preciso ser extremista sobre esse assunto. Com o acompanhamento e orientação correta, também é importante que a mulher cuide de si mesma. Bons motivos para isso são:

 

  • É importante que a gestante tenha uma autoestima saudável durante esse período;
  • A saúde física e mental após a gestação está relacionada com os cuidados que temos durante essa época;
  • Alguns casos de depressão pós-parto se iniciam com a diminuição de cuidados pessoais durante a maternidade;
  • Algumas práticas (que irei mostrar logo abaixo) se tomadas durante a gestação podem prevenir, por exemplo, o aumento de marcas e inchaço antes e após o parto. Além de poderem cuidar da saúde da pele em aspecto geral.

Então, não é preciso que você seja deixada para “segundo plano”. Existe sim um equilíbrio possível entre cuidados com a estética e com a saúde durante a gestação.

Quais procedimentos e produtos posso usar na gravidez? 

Vale apontar que a palavra final sobre o procedimento ou produto que deve realizar/usar  é dos profissionais responsáveis por avaliar a sua saúde, como seu obstetra e dermatologista. Porém, geralmente são permitidos:

 

  • Máscaras faciais e limpeza de pele: caso não houver ativos com ação agressiva, é liberado o uso. Principalmente as que possuem vitamina C em sua composição são indicadas;

 

  • Drenagem linfática: as técnicas usadas para melhor circulação e expulsão do líquido linfático, também são permitidos. Desde que recomendada pelo seu médico, esses tratamentos poderão auxiliar com as celulites e o inchaço;

 

 

  • Hidratação com óleos essenciais: os que não contêm cânfora, chumbo e/ou ureia estão liberados, pois agem somente na epiderme sem agressividade.

 

  • Peeling de cristal: como os grãos de cristais realizam somente uma microdermoabrasão sobre a pele, ele costuma ser o único indicado de sua categoria;

Lembrando que o uso de filtro solar, a hidratação e o controle do peso também ajudam muito no aspecto da pele nesse período.

O que devo evitar durante a gravidez?

Agora chegou a hora de você saber sobre os principais produtos e procedimentos que deve evitar para não prejudicar a sua saúde ou a do bebê. Os “proibidos” normalmente, são:

 

  • Tratamentos com radiofrequência: os aparelhos que são usados para tratar flacidez corporal ou facial com ondas eletromagnéticas, devemser evitados nesse período. Isso porque o envio dessas ondas à mãe pode afetar o desenvolvimento do bebê;
  • Ácido retinóico: ele e seus derivados são muito usados no tratamento de acnes. No entanto, como a sua ação é mais profunda, ele deve ser evitado;
  • Os peelings químicos: todos os químicos ficam suspensos durante a gestação. Isso porque os seus ativos agressivos podem gerar consequências a saúde do bebê.
  • Produtos para coloração, alisamento ou relaxamento dos cabelos: os agentes químicos necessários para promover a coloração dos fios ou deixá-los mais maleáveis devem ser evitados durante esse período;
  • A maioria dos tratamentos corporais: Os procedimentos de luz pulsada ou laser (como a depilação) que combatam a estria, celulite ou gordura localizada, só devem ser realizados após recuperação da gestação, pois podem interferir na saúde da mãe e da criança.

 

E então, conseguiu entender melhor o que se pode fazer durante a gestação? Sobrou alguma dúvida? Então entre em contato! Será um prazer te atender!


Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *


2020® Dra. Luciana Costa - Todos os Direitos Reservados